Magazine Natureza e Paz

Jardins verticais gigantes mudam visual da Cidade do México

Jardins verticais do Via Verde: projeto prevê cobrir 60 mil metros quadrados de 
mais de mil colunas em rodovias da cidade.

22/08/2016

Quem não se encanta ao ver um jardim bem cuidado? Imagine então se deparar com megaestruturas de concreto revestidas de vegetação verdinha no meio das ruas e, ainda por cima, na posição vertical. Pois a Cidade do México ganhou neste mês um projeto piloto chamado Via Verde, que promete transformar o visual da capital.

Gigantes jardins verticais foram instalados em colunas de uma das principais rodovias da cidade pelo grupo Verde Vertical, organização sem fins lucrativos que promove o design verde como forma de melhorar a qualidade de vida nos espaços urbanos e revitalizá-los.

O projeto completo prevê cobrir 60 mil metros quadrados de concreto de mais de mil colunas em rodovias da cidade, gerando 27 quilômetros de vias verdes. Os benefícios vêm em dose dupla: beleza para os olhos e ar puro para a cidade.

Via Verde

Imagem do projeto Via Verde: projeto ajudará a filtrar mais de 27 mil 
toneladas de gases poluentes nocivos à saúde. 

Pelos cálculos do grupo, os jardins verticais ajudarão a filtrar mais de 27 mil toneladas de gases poluentes nocivos à saúde e também apreender e processar 10 toneladas de metais pesados presentes no ar, como chumbo, cádmio e cobre. Em larga escala, os jardins verticais também ajudam a reduzir as ilhas de calor nas cidades.

Eles contarão com um sistema de rega automática por gotejamento, além de captação de água da chuva da rodovia superior. Segundo o grupo, as espécies de plantas utilizadas são de alta resistência, baixo consumo de água e apropriadas para as condições ambientais da região.

A instalação dos jardins verticais custará cerca de 300 milhões de pesos mexicanos (cerca de 52 milhões reais) e terá um custo mensal de manutenção de 23 milhões de pesos (cerca de 400 mil reais).

Montagem / Via Verde

Montagem da estrutura do jardim vertical: iniciativa privada vai financiar 
100% da instalação e manutenção mensal necessária. 

Segundo o site do projeto, a iniciativa privada vai financiar 100% da execução do ViaVerde bem como a manutenção mensal exigida. Em troca o governo da Cidade do México concederá uma licença para as empresas utilizarem 10% da área total para fins publicitários.

Apesar da grande popularidade e das boas intenções, o projeto recebeu críticas pontuais da comunidade arquitetônica questionando se os jardins verticais são a melhor solução para combater a falta de verde e a poluição. Críticos argumentam que projetos dessa natureza são uma forma de maquiar o verdadeiro problema: o fato de governos gastarem muito dinheiro na criação de rodovias para automóveis e atração de novas montadoras, e investirem muito pouco na criação de espaços públicos e áreas verdes para as pessoas. 

Um vídeo publicado na página do projeto resume a investida, veja:

Fonte: Exame.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário e pela sua visita.
Volte sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...