.

Defesa organiza doações para o Haiti

27/08/2016

O Ministério da Defesa, em parceria com a Cruz Vermelha Brasileira, realiza a 2° Campanha de Solidariedade ao Haiti, que tem por objetivo arrecadar alimentos e roupas, entre outros itens, para doação a crianças haitianas. A campanha, que é coordenada pelo Institution Sacré Coeur Jésus do Haiti e pelo Ordinariado Militar do Brasil, teve início no dia 15 de junho e vai até 30 de setembro. Já foram arrecadados mais de 20 toneladas de alimentos não perecíveis, roupas e material de limpeza.

A campanha irá beneficiar crianças e suas famílias, totalizando cerca de mil pessoas.

A campanha irá beneficiar meninos e meninas, com idade entre 3 e 10 anos, e suas famílias, totalizando cerca de mil pessoas. Muitas destas crianças perderam seus pais no terremoto ocorrido em janeiro de 2010, e foram acolhidas por parentes ou vivem em orfanatos.

Freiras do Institution Sacré Coeur Jésus do Haiti com as doações recebidas.

A expectativa é recolher entre 60 e 70 toneladas até o final da campanha, que está organizada em 12 cidades: Brasília, São Paulo, Bauru (SP), Marília (SP), Adamantina (SP), Ribeirão Preto (SP), Anápolis (GO), Goiânia, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Florianópolis.

Preparativos

Para tratar dos procedimentos técnicos e o envio dos itens arrecadados, um grupo de trabalho reuniu-se na última terça-feira (23), na Cúria Militar do Ministério da Defesa. Na reunião, coordenada pelo arcebispo militar do Brasil, Dom Fernando Guimarães e pelo assessor especial do Gabinete do Ministro, Demétrio Carneiro da Cunha Oliveira, foram definidas a logística de transporte nos pontos de coletas espalhados pelas cidades brasileiras. No Rio de Janeiro, por exemplo, os itens serão estocados no 1º Depósito de Suprimento do Exército (1ºDSup), e posteriormente, passarão por desembaraçados alfandegários, colocados em container para só então o embarque em navio.

O transporte dentro do território nacional conta com o apoio de empresas e do Exército. Brasileiro. No trecho Rio de Janeiro-Porto Príncipe, o transporte será custeado pela Cruz Vermelha. A data de entrega das doações na capital haitiana está prevista para o dia 10 de dezembro.

O arcebispo militar do Brasil, Dom Fernando Guimarães reuniu-se com o grupo de trabalho, no ministério da Defesa, para tratar dos procedimentos técnicos e o envio dos itens arrecadados.

O arcebispo militar do Brasil, Dom Fernando Guimarães reuniu-se com o grupo de 
trabalho, no ministério da Defesa, para tratar dos procedimentos técnicos e o envio 
dos itens arrecadados.

Participaram ainda da reunião, o conselheiro nacional da Cruz Vermelha Brasileira (CVB), Fernando Antunes, o coordenador de Diplomacia Humanitária da CVB, André Camargo, a coordenadora da Campanha Nacional, Tânia Maria Borges e o ecônomo do Ordinariado Militar, coronel Gregoratto.

O que doar

Alimentos não perecíveis (leite em pó, arroz, açúcar, café, feijão, óleo, farinhas em geral, enlatados e macarrão), material de limpeza e escolar (exceto livros e cadernos), roupas, calçados, enxoval para bebê e tecidos.

Doações em Brasília (DF)

Local: Colégio Cor Jesu (Sagrado Coração de Jesus)
Endereço: Avenida L2 sul - Quadra 615 - Bloco G.

*Entrega na recepção da escola, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17 horas, e aos sábados, das 8h às 12 horas

(*) Favor informar que as doações são para a Campanha de Solidariedade às crianças do Haiti.
Mais informações com Tânia (61) 99213-1031 ou Sandra (61) 99214-5321.

Por Ten Fayga Soares



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário e pela sua visita.
Volte sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...