.

Holanda e Itália propõem dividir mandato no Conselho de Segurança

Conselho de Segurança da ONU. Foto: ONU/Loey Felipe

29/06/2016

Após cinco rodadas, países receberam 95 votos cada; eleição requer dois terços da Assembleia Geral; Bolívia, Cazaquistão, Etiópia e Suécia foram eleitos na terça-feira; novos membros não permanentes passam a integrar o órgão em 1º de janeiro de 2017; mandato dura dois anos.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

Holanda e Itália propuseram, nesta terça-feira, dividir um mandato de membro não permanente no Conselho de Segurança da ONU.

Os dois países disputam a vaga restante para o mandato de dois anos que começa em 1º de janeiro de 2017 e vai até 31 de dezembro de 2018. Na quinta rodada de votação, os dois países europeus recebem 95 votos cada.

Dois terços

Para ser eleito, um  país precisa receber dois terços dos votos das nações que estejam participando do processo de escolha pela Assembleia Geral. Isso significa que o país candidato precisa de 129 votos caso todos os 193 Estados-membros tenham participado.

A proposta foi feita pelos ministros das relações exteriores de ambos os países, que estavam presentes na sessão, e será discutida pelo grupo de nações da "Europa Ocidental e outros Grupos".

Em entrevista ao Centro de Notícias da ONU antes da votação, o presidente da Assembleia Geral, Mogens Lykketoft, mencionou que em 1956, após 52 rodadas entre Polônia e Turquia, os dois países dividiram o mandato de dois anos.

Europa

A segunda vaga "Europa Ocidental e outros Grupos" foi para a Suécia. A nação da Escandinávia serviu três outras vezes no Conselho: 1957-1958, 1975-1976 e 1997-1998.

O grupo da Europa Oriental não concorreu a nenhuma vaga este ano. Seu assento está ocupado pela Ucrânia até o fim de 2017.

África e América Latina

Do grupos de países da América Latina e Caribe, a Bolívia concorreu sem oponentes. O país já esteve no Conselho antes: entre 1964 e 1965 e 1978 e 1979.

Pelo grupo africano, a Etiópia foi eleita. A nação já serviu no órgão em duas ocasiões anteriores: 1967-1968 e 1989-1990. O país também não teve concorrentes nas eleições.

Ásia

Para o grupo da Ásia e Pacífico, o eleito foi o Cazaquistão. Essa é a primeira vez que o país fará parte do órgão.

Veto

O Conselho de Segurança é composto por 15 membros, cinco permanentes, com direito a veto: China, Estados Unidos, França, Reino Unido e Rússia. Os outros 10 são não permanentes, cumprindo mandato de dois anos cada e de forma intercalada.

No total, 68 países-membros da ONU ainda não fizeram parte do Conselho de Segurança, o que representa aproximadamente 35% deles.

Fonte: Rádio ONU

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário e pela sua visita.
Volte sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...